Pages

segunda-feira, 29 de março de 2010

Sou esposa, mãe e mulher... E tenho 1 blog!!

E agora dizem vocês:

Pois, pois, és daquelas que não fazem nada e vivem ás custas do coitado do marido, que se deixou enganar. Bem que a mãe dele o avisou!!! Mas ele deslumbrado pelas coxas e lábios carnudos, foi na cantiga...



O meu marido e filho são o meu projecto de vida, de quem eu gosto de cuidar e de me cuidar para eles. É este o meu emprego! Mas como em todos os empregos existe a parte chata. No meu é... limpar o pó e passar a ferro. O meu ordenado? Recebo ao dia... são os sorrisos, abraços e momentos maravilhosos que passo com eles.

E agora dizem novamente vocês:

Eh pá! Mais um blog! Eu vi logo que ela não tem nada para fazer. Deve passar os dias pendurada na net, a cuscar a vida dos outros nos blogs... Típico nas mulheres: Não fazerem nada e ainda meterem o nariz na vida das outras pessoas.

Bem que eu gostaria de ter exclusividade nisto dos blogs. Mas como não sei quem os inventou ainda não consegui fazer esse pedido. Mas prometo trabalhar no assunto, nas minhas pausas entre os: não fazer nada porque estou em casa!

7 Seres especiais comentaram :

LUmeNA disse...

Ser mãe, esposa e dona de casa, foi uma opção sua.
É um estado de ser, que não é valorizado pela maioria das pessoas.
Continue a ser docemente mãe, carinhosamente esposa e boa dona de casa.
Que tem muito que fazer!

Um Grande Abraço,
LUmeNA

María disse...

É o trabalho mais cansativo e mais recompensador que existe :O)

Beijoca e bem-vinda à blogosfera
María

Santinha disse...

Esposa e mãe em tempo integral, mulher e blogueira! Uau! Eu adorei a forma inteligente como você resumiu a questão.

Vamos lá então para os que acham que quem fica em casa não trabalha;

Esposa em tempo integral
- Serviços gerais - (lavar louça, cozinhar, guardar a comida na geladeira, varrer a casa, colocar o lixo para fora, juntar as roupas do chão, guardar elas no armário...) Use seu Mastercard.

- Governanta - Dirige, sabe lidar com pagamentos e serviços bancários, domina a internet, compra, vende, negocia e mantém a casa funcionando.
Ela dá conta de tudo; gerencia a casa através de métodos eficazes, contra o desperdiço, a falta de tempo e espaço... Ela sabe da importância com os cuidados da alimentação, com o conforto do seu lar, organizando a rotina doméstica para que a família curta verdadeiramente a casa com ganho de mais qualidade de vida.
Ela organiza ainda seus eventos e viagens da família, recepciona seus hospedes...
Ufaa! Use seu Mastercard Ouro Internacional.

Mãe em tempo integral
Os filhos são prioridades e, portanto a dedicação é total e muitas vezes cansativa.
(Não tem preço)

Mulher – Cuidar de si mesma com amor e carinho. Do físico e mental, do emocional, da alma, da vida sexual e da realização afetiva... Usar hidratantes, protetor solar todo dia, escolher que roupa vestir, e que sapatos combinar, que acessórios usar. Disfarçar o humor quando esta de TPM...(Não tem preço!)
Será que me esqueci de muita coisa!!!!

Blogueira
Vida de blogueira não é fácil não. Eu por exemplo, estou sempre trabalhando para o blog; penso no blog quando leio uma revista, quando faço uma viagem, quando invento uma receita nova, quando me envolvo num novo trabalho, quando mergulho em um livro, quando olho em volta... A gente nunca sabe de onde vai surgir a melhor das idéias! Mas, não, nem só de boas idéias se faz um espacinho virtual...
Tem que fotografar, escrever e editar... Muitas vezes no meio da madrugada...(Não tem preço!)

Se tivesse pensado com mais calma, hoje ia preferir minha parte em dinheiro!
(risos)

Márcia disse...

Adorei seu blog, sua forma bem humorada de escrever.
Também sou dona de casa apesar de ainda não ter filhos.É... parece que andamos na contra mão do mundo. Beijos...

Fernanda M. disse...

Cheguei atrasada neste post...kkkk..Gostei, mas doí saber que algumas pessoas pensam assim, com tanto preconceito com mulheres que decidem ser donas de casa, não vêem que o feminismo antes de tudo, busca a ESCOLHA da mulher e se ela pode se dar o luxo(sim hoje em dia é "luxo", visto que muitas são "obrigada" a trabalhar) em poder exercer plenamente esses papéis, por que não apoiar?!

Olha no momento estou desempregada(falei nisso em um post), mas queria mesmo era ser dona de casa, esposinha e futura mamãe, quando falam disso com alguém me acham uma "burra" e recriminam...Aff, burros são eles!!

arKana disse...

Também sou mulher, mãe, esposa e tenho um blog! e o trabalho nunca acaba...
Até há uns anos atrás era mais que natural que uma mulher fosse mãe a tempo inteiro... e assim foi durante milénios. É um papel fulcral na sociedade e no próprio desenvolvimento biológico da criança!
o apelo para o fazer não será mais que o instinto que ainda temos e do qual me orgulho. O que interessa mesmo é fazer aquilo que gostamos e com isso evoluirmos no nosso SER! O resto, a meu ver, é puro capitalismo e resultado de sociedade de consumo!
Gaspas, obrigada pelo blog! é sempre tão fresco e espontâneo e às vezes de chorar a rir!
beijos

Colher de Mãe disse...

LOL! E mais um blogue fantástico! Parabéns e até sempre! Raquel

Related Posts with Thumbnails