Pages

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Sal sem mar

E se eu lhe dissesse que é possível extrair sal quando o mar está a 30 quilómetros de distância? Humm?

As Marinhas de Sal de Rio Maior, situam-se no sopé da Serra dos Candeeiros.


Reza a tradição que... Uma rapariga que trazia a pastar uns animais tentou beber água numa poça, para matar a sede. Mas o sabor salgado foi tão desagradável, que acabou por comentar o o que aconteceu quando chegou a casa. O seu pai e os vizinhos apressaram-se a ir cavar no tal sítio, de onde surgiu o poço actual.
A água que brota deste antigo poço é sete vezes mais salgada que a do mar e abastece os 400 talhos (compartimentos) e os 70 esgoteiros (onde se coloca a água salgada para posteriormente distribuir pelos talhos), que ocupam 21 865m.


A água salgada provém de uma extensa e profunda mina de sal-gema, que é atravessada por uma corrente subterrânea de água doce, e ao passar por ela torna-se salgada.


Trata-se de sal puro (97,94% de cloreto de sódio), que é recolhido nos talhos pelos salineiros.


Os talhos são feitos em cimento ou pedra e têm pouca profundidade.

Os estreitos carreiros que separam os talhos, servem para os salineiros circularem entre os compartimentos, e denominam-se baratas.


Nas Marinhas de Sal, em Rio Maior, o trabalho é idêntico ao que se faz à beira-mar.
Hoje em dia a água é retirada com a ajuda de um motor e colocada, nos esgoteiros, depósitos através dos quais a água vai evaporando.
Daí segue para os talhos, onde repousa durante seis dias, até evaporar por completo.
Forma-se então no local um manto branco. O sal está pronto para ser colocado, em forma de pirâmide, nas chamadas eiras, onde fica a secar durante 60 horas.
Posteriormente é transportado para as velhas casas de madeira, onde é conservado e vendido.


Algumas dessas típicas casas de madeira, são cafés, restaurantes (um deles tem um frango assado delicioso) e lojas de artesanato, que acabam por ser um suporte turístico deste museu vivo com mais de 800 anos.
Recomenda-se a sua visita durante os meses de verão (Maio a Outubro), pois só nessa altura é possível a formação dos cristais de sal.


Quer a morada? 39.364259, -8.943678

E vocês já conheciam?

30 Seres especiais comentaram :

Sissamar disse...

Não cnhecia mas fiquei muito curiosa! Da próxima vez que for ao Entroncamento tenho de lá dar um salto!!!
Beijinho e obrigada pela sugestão!

Maria João disse...

Fantástico, não fazia ideia e passo muitas vezes perto dessa Serra.

Um local a visitar.

Obrigada pela partilha.

Bjs e boa semana,
MJ

ELF disse...

nunca tinha ouvido falar, e não é muito longe. Aí está um bom sitio para dar uma voltinha um fim de semana destes ! e trazer sal e flôr de sal. eu costumo trazer de Castro Marim qdo lá vou de férias, mas qdo acaba é longe para ir buscar mais. Bjos

An@ disse...

Esses azulejos são o máximo!

Ih ih ih

Por acaso uma amiga disse-me para eu comprar flor de sal e meter debaixo da língua quando tiver muito atacada das alergias! Ainda não experimentei... também ainda não comprei a Flor de Sal.

Beijokas
Boa semana

ursulaferraricoach disse...

Obrigada pela visita lá no blog. Muito interessante seu post, gostei bastante!!
Beijos
ursulaferraricoach.wordpress.com

M. disse...

O que se aprende aqui:)


Gosto de sal:)

Manuela disse...

Querida Gaspas, sabia da sua existência, mas não com os pormenores que nos deixaste. Obrigada por esta visita guiada :)

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Sissamar,
é um sitio muito agradável, não deixes de visitar!!
Reina a madeira e o sal. As casinhas que vendem artesanato têm coisinhas muito giras. E o restaurante de grelhados tem um franguinho fenomenal a bom preço :))

Maria João,
Este calor convida mesmo a um passeio :))

ELF,
Ao domingo tem sempre mais gente, porque muitas pessoas aproveitam a viagem que fazem ao famoso mercado de santana para depois parar ali e almoçar!
Aliás quem for para almoçar não se descuide chegando muito tarde... senão seca à espera de mesa!!

An@,
desse truque nunca tinha ouvido falar... tenho de experimentar no meu OM :P

Ursula,
Grata pela visita!

M,
Isto é quase uma escola. Qq dia peço uma licença ao sócras! :) :P

Manuela,
:))

maria emilia disse...

Não conhecia e adorei, e os comentários hein !! Dão um charme, beijos até mais

horticasa disse...

Há anos que quando passamos por Rio Maior eu digo:
- Temos que ir ver as salinas.
Só no ano passado consegui ir lá e fiquei assim como tu.
Maravilhada, encantada, deliciada e também temos muitas fotos deliciosas do local.
bj eugénia

Anabela disse...

Olá.

Já estive aí à muitos anos e na altura não trouxe nenhuma embalagem de sal (que parva fui). Mas também era muito novinha e não ligava nada a estas coisas mais naturais embora já adorasse cozinhar.

Gostava de lá ir novamente porque é lindíssimo.

Bjs,
Anabela

Fresco_e_Fofo disse...

Eu conhecia.
Por acaso a minha miúda foi passar este fim-de-semana em Rio Maior, com duas colegas...

Sandrass disse...

Essas são as tais salinas que falaste...certo?

Muito giras... nunca pensei isso ser possível ...

O que nós aprendemos aqui contigo...e não é só as sextas-feiras hihi

Bjs ;)

Paula M. disse...

Olá Gaspas,
Nao conhecia e gostei muito do teu post. Interessante, muito interessante!

Bjs

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

maria emilia,
:))

horticasa,
Portugal tem muita coisa interessante :))

Anabela,
Nada como voltares, comeres um franguinho e comprares uns sacos de sal a bom preço :))

Fofo,
:))

Sandrass,
Certo! Qualquer dia combinamos e encontramo-nos lá :))

Paula,
Excelente para um passeio de fim-de-semana :))

aprendereorganizar disse...

Uau que lindo...
Uma tarde maravilhosa em família que se pode aí passar;)
Beijinhos

mfc disse...

Não conhecia de todo!
Fica já apontado para um futuro passeio.
Óptimo roteiro fotográfico que nos trouxeste.
Obrigado.

Mirella Guedes disse...

Oi querida!
Com seu blog temos oportunidades de conhecer coisas novas!
Estou te seguindo!
Está rolando sorteio de Páscoa em meu blog: www.mirellaguedes.blogspot.com
Participa! Beijos...

Moro em um Kinder Ovo disse...

Há muito quero lhe dizer que gosto muito do seu espaço e aqui estou sempre a lhe visitar. Quem sabe um dia vou até aí apreciar todas estas lindezas. E quero também agradecer as suas visitas. Um beijo, bem brasileiro

Bricolar e Poupar disse...

Que interessante, já fui a Rio Maior mas nem fazia a minima ideia que havia Salinas...
Um bom pretexto para ir passear um dia destes!

remall disse...

que interessante, aqui no Brasil já visitei duas salinas, uma no estado do Rio de janeiro e outra no estado do Rio grande do Norte, achei incrível essa salina tão longe do mar.
quem sabe um dia ao conhecer Portugal possa colocar no meu roteiro.

gostei da foto nova do blog, e adorei o cachorro; é seu? lindo.

boa semana, tranquila e de paz.

AVOGI disse...

eu nao conhecia mas agora ja conheço
kis :=)

S* disse...

Gosto muito destes teus posts... ensinam-me.

Baunilha disse...

já ouvi falar, mas não dei muita importância... agora fiquei fã e com muita vontade de ir lá conhecer! muito interessante, mesmo. Obrigada pela partilha :)

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

aprendereorganizar,
É mesmo :))

mfc,
:))

Mirella,
:))

Ovo,
Grata pela visita!

Bricolar,
Acho que portugal devia ter estas pequenas maravilhas mais sinalizadas e divulgadas. Muitas vezes estamos perto de coisas interessantes e nem sabemos que lá estão :)

Remall,
Sim, é o caçula de 4 patas cá da casa :))

Avogi,
:))

S,
:))

Baunilha,
Com estes dias lindos que têm estado... é só pores o pé na estrada :))

Luísa disse...

Desconhecia completamente... Mas já está na lista das coisas a visitar ;-) Obrigada :-D

Formiguinha disse...

Por acaso já vi uma reportagem na TV sobre esse local e na altura fiquei encantada.

Qualquer dia destes tenho que convencer o marido a ir lá, vale mesmo a pena.:)

Boa semana!
Beijinhos da Formiguinha

anf disse...

Gostei muito deste post,
não conhecia,
bjo
Há uns tempos vi um programa na dois em que era um coisa identica nas montanhas não me lembro do país, vou pesquisar
bjo

Patricia disse...

Olá Gaspas!!

Afinal, Gaspinhas também é cultura e já aprendi umas coisas :)

Não conhecia este lugar e é sem dúvida um belo destino de passeio, meu filho haveria de adorar.

Beijinhos.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Luísa,
Vale bem a pena!! Excelente sitio para levar os miúdos :))

Formiguinha,
Esse programa escapou-me... snifff

Anf,
:))

Patricia,
Claro que Gaspinhas = cultura... mas tinhas duvidas? :P

Related Posts with Thumbnails