Pages

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Cinco Quartos de laranja

O que dizer sobre este livro?
Ocupou sem dúvida o seu merecido lugar entre os meus favoritos!
Vale a pena ler.
Deixo-vos um bocadinho:


O Louis continuava sem dizer nada. Permanecia completamente imóvel, como um policia de brinquedo, uma mão apoiada na engenhoca na relva.
O Luc encolheu os ombros e abriu a rulote.
- Aposto que ficará mais eloquente depois de provar o meu pequeno-almoço Dessages.
Observámos a cena por uns momentos enquanto o Luc abria o toldo e punha cá fora a tenda e os galhardetes que publicitavam os seus menus diários. O Loius permaneceu solidamente ao lado da rulote, parecendo não reparar. De vez enquando, o Luc voltava a dizer qualquer coisa animada ao policia. Passado um tempo ouvimos a musica no rádio.
- De que raio é que ele está à espera? - perguntei impacientemente. - Por que não diz nada?
O Paul sorriu. - Dá-lhe tempo - Aconselhou. - Os Ramondin nunca foram de compreensão rápida, mas quando desatam...
O Louis esperou uns bons dez minutos. O Luc estava ainda alegre mas um pouco espantado, e praticamente desistira de tentar conversar. Começara a aquecer as placas para as panquecas, o chapéu de papel garbosamente para trás. Então, finalmente o Louis moveu-se. Não muito; dirigiu-se simplesmente à parte de trás da rulote com o seu carrinho e desapareceu.
- Mas afinal que raio de coisa é aquela? - perguntei.
- Um macaco hidráulico - respondeu Paul ainda a sorrir. Usam-nos nas garagens. Olha.
E, enquanto olhávamos, a rulote dos petiscos começou a inclinar-se para a frente, muito devagar. quase imperceptívelmente no inicio, depois com um súbito solavanco que fez com que o Dessanges saísse da sua cozinha mais depressa que um furão. Parecia zangado, mas também parecia assustado, apanhado de surpresa pela primeira vez desde que chegara; aquele olhar desorientado agradou-me bastante.
- Mas que raio é que pensa que está a fazer? - gritou meio incrédulo para Ramondin. - O que é isto?
Silêncio. Vi a rulote inclinar-se outra vez, só um bocadinho. O Paul e eu esticamos o pescoço para ver o que estava a acontecer.
O Luc deu uma breve vista de olhos à rulote para se certificar de que não estava danificada. O toldo pendia retorcido, e a tenda inclinava-se embriagada, como uma cabana na areia. Vi o olhar calculista regressar-lhe ao rosto, o olhar directo e cuidadoso de um homem que não só tem ases na manga, como acha que é dono do baralho inteiro.
- Assustou-me lá isso assustou-me - disse naquela voz alegre e incansável. - Enganou-me bem enganado. Surpreendeu-me, por assim dizer...
Não ouvimos nada da parte do Louis, mas pareceu-me ver a rulote inclinar-se um pouco mais.

E vocês, já leram?

24 Seres especiais comentaram :

Naná disse...

Também gostei imenso de ler! Aliás, ainda só não li dois livros desta autora. De todos o que mais me ficou no goto foi o Vinho Mágico, é muito melhor que o Cinco Quartos de Laranja!

Patricia disse...

Hummm...confesso que fiquei bem mais entusiasmada com a tua almofada :D

Beijinhos e bom Carnaval!

Zoana disse...

É uma grande falha... Mas acho que nunca o li!
E gosto muito da Joanne Harris! Vou ter de ir tratar deste assunto ;)

Ana disse...

Tenho lido atentamente os teus posts sobre as tuas leituras. Gosto muito dos excertos que transcreves e a minha lista está sempre a aumentar.
Obrigada pela partilha :)

Beijinhos e boa semana

A Minha Essência disse...

Já tive com livros dela na mão, mas depressa pousei. Não tive o ímpeto de comprar (ainda). ;)

Kiss

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Naná,
Esse ainda não li... vai para a lista!
Li: Na corda bamba... e gostei, mas este superou e muito :)

Patricia,
Cof cof... reparaste, eu nem lhe dei muito destaque na foto... cof cof :)

Zoana,
:))

Ana,
:))

Essência,
Quando leres o primeiro penso que vais ficar fã :)

Rafeiro Perfumado disse...

Nem sexo, nem violência. Ná, não me cativou...

PINTA ROXA disse...

Os meus peludos são todos amigos, bom tirando quando o Tobias quer acasalar com a chinchila...lol
Eu li o livro há varios anos e não gostei...é daquelas coisas,..
Jocas

Janita disse...

Também já o li, Gaspas!
Na minha fase Joanne Harris, comprava todos os livros que iam sendo editados. Este foi-me oferecido pela minha filha no dia da Mãe, em 2002.
Depois de "Sapatos de Rebuçado", uma continuação de "Chocolate" não li mais nada dela.
Pudera...eu agora leio tão pouco!

"Resistir é como nadar contra a corrente, é cansativo e inútil".
Reconheces a frase?

Quando puderes lê "Vinho Mágico". É um dos meus preferidos!
beijinhos

mfc disse...

Ler é um hábito que nunca nos deixa estar sós...
O livro é uma companhia leal e permanente!
Beijinhos.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Rafeiro,
Tem... mas de forma mais suave :P Na pode ser sempre tudo à bruta e 100% exposto :P

Pintinha,
Ainda te sai uma espécie nova desse acasalamento!
Pronto... há gostos para tudo... e ainda bem! Senão muitos livros não se vendiam :)

Janita,
Reconheço :)
Grata pela dica... fica na lista, dos: A ler!

mfc,
é mesmo, e se for bom... é como os bolos, é num instante que entram cá para dentro :)

Maria Vicente disse...

Parece-me bem sim senhor, fica a sugestão.
Linda a almofada.
Beijinho e um feliz carnaval, quere gostes ou não

Cenourit@ disse...

Ainda não o li embora o tenha ali na estante à espera de vez há um tempito considerável e tenho a certeza que vou gostar porque adoro a escrita da Joanne Harris :)

Beijocas***

Turista disse...

Querida Gaspas, a Joanne Harris, é uma das minhas escritoras predilectas, sem dúvida. :)

AvoGI disse...

li esse e o rapaz de olhos azuis. confesso gostei mais do rapaz de olhos azuis
kis :=)

Nutella disse...

Eu nunca li por acaso.

Lacorrilha disse...

Esse nao, mas tentei ler o "Sapatos de Rebucado" e nao fui capaz. Nao engracei com o início e entao desisti. Já les-te? Um dia destes pego nele.

Mafalda S. disse...

A tua almofada é que é gira! Não que não gostasse do livro, atenção.

Beijo

{entreter os dias} disse...

Li no ano em que foi publicado, ai que nem quero contar!!!
Adorei, é um dos meus favoritos da Joanne Harris.
Boas leituras, agora ando numa de "Bofetada" que é fabuloso, uma verdadeira lufada de ar fresco no romance realista contemporâneo!!! Austrália do século XXI, duro, crú, surpreendente e apaixonante.
Boas leituras *_*

Sonia disse...

ainda não li mas já está na lista

Fernanda disse...

Ainda bem que gostaste, é um dos meus favoritos, como tenho dito e repetido.

Amlet disse...

Olá depois de ter recebido a tua doce visita no meu espaço vim visitar os teus ;) (sim também passei no outro heheh) fui descendo e vi este post... eu li este livro no ano passado ... inicialmente parecia-me maçador mas depois... fiquei desejosa para saber o final.
Eu também adorei! E recomendo igualmente!

Um beijinho e obrigada

Ps. espero que ainda encontres este meu comentário hehehe

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Maria Vicente,
Olho clinico :)

Cenourit@,
Limpa lá o pó ao livro :)

Turista,
Bom gosto :)

Avogi,
Esse não li,.. ainda!

Nutella,
:)

Mafalda S,
haha... pois mas o olho fixo no que pareceu mais interessante :)

Entreter,
Votos de boas bofetadas :))

Sonia,
:))

Fernanda,
O que é bom não custa repetir :)

Amlet,
encontrei pois.
Grata pela visita!

Nessie disse...

Um dos meus livros preferidos!*
Obrigada pela visita! Gostei do teu cantinho, vou seguir! :)

Related Posts with Thumbnails